Warning: mysql_fetch_array() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/brunohcs/web/showmoto.com.br/public_html/sm/layout.php on line 313

Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/brunohcs/web/showmoto.com.br/public_html/sm/layout.php on line 389
Desabafo! - ShowMoto.com.br
Olá, bem vindo ao Show Moto - 17/07/2019 - 00:49
Menu
Pagina Inicial
Buscar no Site
Dicas
Fotos
Notícias
Novidades do Site
Outros
Segurança
Papel de Parede
Previsão do tempo
Moto Filmadores
KLE 621 (Kleber Atalla)
Fabio 21
Kekis
Todos os vídeos
Eventos
Eventos / Fotos
Moto Passeio
Próximos Eventos
Colunistas
Classificados
Ver Anúncios
Anúnciar
Canais
Blogs / Flogs
Dicas
Lojas
Sites Parceiros
 
Login:

Senha:

Registrar-se
Esqueci minha senha

Desabafo!




O texto abaixo foi escrito pela Dani do blog (Coisa da Dani)

Já faz algum tempo que quero escrever um post sobre esse assunto. Na verdade nem sei se já não escrevi, porque é tão revoltante, e penso tanto sobre isso, que me parece quase impossível que nunca tenha escrito um nada sobre esse assunto.

Como já contei aqui e aqui o Arno tem uma moto e cansamos de passar por situações CRÍTICAS nessa moto, situações essas que não são, de forma nenhuma, criadas por nós. A cada situação dessas eu me desespero: Custa, custa, CUSTA um cara dirigir respeitando a vida dos outros? Nem falo sobre respeitar as leis de trânsito, porque falar sobre isso é chover no molhado, mas dirigir de forma ASSASSINA colocando em risco a vida de outra pessoa é uma coisa insana, que me revolta demais.

Já é tempo dessas pessoas pararem de pensar "Vou cortar a frente daquela moto", "Vou arrancar em cima daquele Corsa" e passarem a pensar que em cima daquela moto ou daquele carro existe UMA PESSOA, que tem UMA HISTÓRIA, que tem UMA VIDA e que, provavelmente, PREZA essa vida.

Cansei, gente, cansei de motoristas que jogam o caminhão em cima da gente, de motoristas de carro que ultrapassam colados na gente, de motoristas no carro DA EMPRESA - com 3 crianças dentro, sem cinto de segurança- , que aceleram o carro e ficam grudados na nossa traseira. Cansei de passar por situações em que se não fosse a perícia do meu namorado, eu poderia acabar grudada no asfalto debaixo da roda de uma carreta. Cansa, bate um desespero enorme, eu sinto um misto de raiva e tristeza imaginando o motivo de uma pessoa achar que a pressa dela vale a minha vida ou a do homem que eu amo. É pior que humilhante, é se sentir um nada, é como se você fosse uma mosca incomodando que pode ser esmagada se der na telha de um maluco.

Já tentei procurar soluções, de tentar imaginar uma saída, mas a única coisa que me ocorre é que quem aprendeu a dirigir assim ou gosta de dirigir assim, que procure lugares adequados pra arriscar sua própria vida, que morra, mas morra sozinho, desesperando a SUA família, quebrando o coração da SUA mãe, estraçalhado junto com sua ignorância dentro de um carro, mas que não leve ninguém junto, como fatalmente acontece.

Não quero morrer pelas mãos ou pelo volante de outra pessoa que sai de casa COM A INTENÇÃO DE MACHUCAR alguém. É triste demais, penoso demais. Nessas horas eu canso de gente, canso de saber que existe tanta gente nojenta por aí e eu quase desisto de viver em sociedade, sofro pelos meus sobrinhos tão lindos, ainda tão novinhos e quase desisto de pôr um filho nesse mundo podre. Mas o que me salva é que, juro pra vocês, eu tenho um pensamento que me acompanha há muito tempo: Basta UMA pessoa boa pra salvar o mundo TODO. Se eu criar o meu filho pra ser um bom cidadão, que ele tenha EMPATIA, que respeite o outro, que saiba da importância do VIVER E DEIXAR VIVER, eu ganho a partida.

Do mesmo jeito, sabendo que esse tipo de motorista jamais vai chegar no meu blog - e se chegar QUE VÁ EMBORA, JÁ! - conto com os meus leitores pra tentar mudar isso, como na história do beija-flor: Se você, leitor do Coisa, conhece algum motorista que tenha o costume de dirigir assim (porque, sim: eles têm família, namorada, amigos) dê um toque na criatura. Avise que aquela moça naquela moto que ele quase derrubou pode ser a Dani, que tem 24 anos, dois sobrinhos lindos, muitas alegrias e algumas tristezas na vida, que ela conta essas alegrias e essas tristezas num blog meio rosinha, com ovelhas, e que quer ter o que contar ainda por um bom tempo.

Avise que ela AMA estar viva e que quer continuar assim por um bom tempo.

Fonte e mais informações sobre a autora desse texto: http://coisadadani.blogspot.com


Enviado por:
Warning: mysql_num_rows() expects parameter 1 to be resource, boolean given in /home/brunohcs/web/showmoto.com.br/public_html/sm/art.php on line 274
em 29/01/2009 - 04:05

Esse artigo foi vizualizado 3462 vezes
Recomende este artigo a um amigo


Voltar
>> Comentários
 
* Campos Obrigatórios
Comentar
Política de Privacidade




buzi vps. by www.webvisual.com.br